Onomatopeias estão em todos lugares, mas são muito mais presentes em histórias em quadrinhos. Em divertidas conversas também usamos onomatopeias na fala informal. Porém, o que é uma onomatopeia? A definição de onomatopeia é que é uma onomatopeia é uma palavra cujo som imita seu significado. Uma onomatopeia é um artifício literário.

O que é onomatopeia?

O que é uma onomatopeia? Quando uma palavra pronunciada soa como o som que a palavra significa, ela é chamada de onomatopeia. Este conceito é melhor compreendido através do exemplo.

Exemplos de onomatopeia:

Zum: aqui, quando a palavra “zum” é pronunciada, soa como um zumbido.

Outros exemplos: tump, clap, click

Todos esses termos soam como seu significado. Quando pronunciado, “tump” soa como um pisão forte no chão; “clap” soa como um aplauso; “click” soa como um estalo.

As onomatopeias são freqüentemente usadas na poesia como uma maneira de criar um interesse sólido e duplo sentido.

Exemplos modernos de onomatopéia

As onomatopeias são usadas na linguagem cotidiana, mesmo que seu propósito não seja de efeito literário.

Exemplos de palavras onomatopeias

Plim: som de piscar

Blem: som de sino

Cocoricó: cantar de um galo

Hahaha / Hehehe:  risos

Argh!: nojo

Grrr!: raiva

Atchim!: espirro

Cof!: tosse

Ronc!: ronco

Buáá!: churo

Glup!: engolir a seco

Nhac!: morder

Chomp!: mastigar

Chuif! / Snif!: choro

Uau!: surpresa

Burp!: arroto

Ufa!: alívio

Smack!: beijo

Ooops!: engano

Croc! / Crunch!: masstigar algo crocante

Quando essas palavras são pronunciadas, elas soam como seu significado.

A função da onomatopeia

As onomatopeias são usadas para expressar o som e o significado, dando-lhes um duplo propósito. Os falantes de português freqüentemente usam onomatopeias na linguagem cotidiana, mas as onomatopeias também são uma ferramenta literária forte para escritores, especificamente para poetas.

Quando um escritor inclui uma onomatopéia, ele não precisa escrever nenhum termo adicional para expressar som ou significado.

Vamos dar uma olhada neste exemplo:

Pop!

Quando um escritor usa esse termo, ele pode simplesmente declarar a palavra e o som é incluído no significado.

Ele não precisa dizer: “O som da abertura do champanhe fez um barulho como “pop!””.

Em vez disso, ele pode simplesmente dizer “Pop!” E o público entenderá o som.

Isso torna a escrita mais eficiente, clara e concisa.

Definição de onomatopeia

As onomatopeias servem para mostrar os sons na forma de palavras simples. (Foto: FluentU)

Como a onomatopeia é usada na literatura?

Como o uso da onomatopeia torna a escrita mais eficiente, clara e concisa, ela é uma ferramenta favorita para poetas que usam palavras limitadas para causar um impacto significativo.

O poema de Edgar Allan Poe, “Os sinos”, utiliza a onomatopeia para refletir o som que ele quer descrever. Aqui, as onomatopeias também ajudam a criar tom e humor.

Aqui estão trechos extraídos da Parte I de “Os Sinos:”

“Como eles tilintam, tilintam, tilintam”

“Para a tintinatura que tão musicalmente jorra”

“Do tilintar e tilintar dos sinos.”

As onomatopeias refletem o propósito de Poe e criam um efeito quando ele descreve os sinos. O público pode “ouvir” os sinos tocando enquanto Poe usa onomatopeia para definir o humor do poema.

O que significa onomatopeia?

Em resumo, uma onomatopeia:

É um dispositivo literário que soa como seu significado

É frequentemente usado em linguagem cotidiana

É muito eficaz na poesia

Você conhece mais exemplos de onomatopeias? Quais exemplos? Compartilhem conosco o que já conhecem sobre onomatopeias! E se tiverem dúvidas, deixem nos comentários suas perguntas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)